Categorias
SEO

Checklist de SEO Magento

SEO no Magento 2 sempre foi um trabalho desafiador para qualquer proprietário de loja virtual. Neste artigo, eu listo diversas dicas que falam sobre SEO Técnico, Otimização de conteúdo, Usabilidade e Experiência do Usuário para melhorar o SEO da sua loja Magento.

Dicas de SEO para Magento 2

Se você está começando uma loja virtual agora, verifique essas recomendações. Você pode evitar erros de SEO ao fazer a otimização para o Google em seu site.

Orçamento de SEO para Magento

Eu sou Especialista em SEO, atendo sites e lojas virtuais. Eu tenho experiência em auditorias e otimização de lojas virtuais para o Google, sendo o SEO para Magento uma das principais.

Entre em contato para uma auditoria da sua loja virtual e um planejamento para o Google!

Velocidade da loja virtual

Um dos fatores mais fundamentais que afetam o SEO é a velocidade do site (como o Google mencionou anteriormente ). O Magento 2 padrão suporta um tempo de carregamento mais rápido que o Magento 1. No entanto, você ainda pode atualizar a velocidade do site ainda mais para otimização de mecanismo de pesquisa e experiência do usuário.

Para o SEO, vale lembrar que desde 2018, especialmente com o crescimento das buscas em celulares, a velocidade do site é um fator para o Google.

O Magento 2 padrão suporta: Habilite categoria simples, mescle arquivos CSS e JS, use Rede de Entrega de Conteúdo, Gerenciamento de Cache, Otimização de Imagem, dicas comuns que você pode configurar facilmente no back-end.

Dicas para SEO no Magento 2: Uma maneira direta de aumentar a velocidade de carregamento da página é buscar uma forma de fazer com que o JavaScript seja carregado depois. Isso é possível através de algumas extensões para Magento 2. Isso permitirá que suas páginas sejam carregadas com HTML e CSS antes do JS, o que é uma grande ajuda para o carregamento rápido.

Confira a velocidade da sua loja virtual Magento aqui:

Use um template compatível com dispositivos móveis

A maioria dos compradores on-line usa dispositivos móveis para procurar os itens de que precisam. Portanto, o uso de dispositivos móveis é essencial para qualquer site de comércio eletrônico. E o Google também se destaca também nos fatores de classificação.

No Brasil o uso da internet através de smartphones só cresce, a passos largos. O número de brasileiros que usam a internet continua crescendo: subiu de 67% para 70% da população, o que equivale a 126,9 milhões de pessoas. Estes dados são da pesquisa TIC Domicílios, que analisa os dados de 2018.

Dos 126,9 milhões de brasileiros que acessam a internet, 97% o fazem pelo celular especialmente

O mais notável da pesquisa, na minha opinião, é que destes 126,9 milhões de brasileiros, 97% deles acessam por smartphones.

E não para por ai.

Como pode ser visto no gráfico abaixo, o acesso à internet apenas por computadores despenca ano a ano. Já o exclusivo por celulares, só cresce. O acesso por ambos dispositivos, diminui ano a ano.

A pesquisa também aferiu dados sobre comportamento dos usuários. Em 2018, 43,7 milhões de pessoas compraram pela internet no país, 34% do total de usuários. Outro dado aponta que 19% dos usuários divulgaram ou venderam produtos on-line.

O Magento 2 é compatível com celulares: O Magento 2 padrão já suporta bem a capacidade de resposta da versão móvel em qualquer dispositivo.

Dicas para SEO no Magento 2: O melhor é sempre revisar a performance do site e seu design, para garantir que o template é responsivo ou trabalha com uma versão mobile.

Verifique se o seu site Magento é compatível com dispositivos móveis:

Suporte ao Google AMP

O Accelerated Mobile Pages (AMP) foi lançado oficialmente pelo Google em 2016. Se você acessar o resultado da pesquisa agora, poderá observar os sites AMP (geralmente na primeira página) com o pequeno símbolo de raio. O AMP é 4 vezes mais rápido que as páginas móveis comuns, o que deve ser muito importante para o SEO no futuro.

Exemplo de resultado

Qual Magento 2 padrão suporta:  O Magento 2 padrão não suporta a criação da versão AMP (que é separada da versão móvel comum).

Verifique se sua página AMP está validada:

  • AMP Validator
  • Confira também o relatório de AMP do Google Search Console

Arquitetura do site organizada

A arquitetura do site – ou como as páginas do seu site são organizadas e organizadas – é uma importante otimização de mecanismo de pesquisa para sites de comércio eletrônico como o Magento.

Dicas para SEO no Magento 2: As primeiras dicas são para manter a estrutura o mais simples possível. Para o site de compras mais on-line, o page rank dos seus produtos depende muito da página inicial. Quanto mais profunda a estrutura do site, mais fraca fica a autoridade da página.

Em segundo lugar, tente manter a página do produto a menos de 3 cliques da página inicial. Isso abre uma maneira clara para os rastreadores ao indexar seu site.

Filtros de navegação

Para um site de comércio eletrônico, a navegação é essencial, pois ajuda os usuários a navegar no site com mais facilidade. Porém, é melhor ter cuidado com isso, pois em muitos casos, o Googlebot pode desperdiçar uma tonelada da largura de banda do rastreamento entrando e saindo dos filtros de navegação.

Exemplo de página de categoria de produto com diversos filtros de cores, estampas, tamanhos, etc.

Dicas para SEO no Magento 2: Uma solução inteligente para navegação amigável ao SEO para Magento 2 é usar o AJAX . O Magento 2 padrão ainda não suporta esse recurso, portanto, você pode tentar a extensão para resolver esse problema.

Vale lembrar que normalmente a aplicação de um filtro implica também na criação de novas urls. Para evitar conteúdo duplicado, o melhor é aplicar a tag canonical aos produtos e às categorias.

5. Estrutura da URL

Você não precisará se preocupar com a otimização do seu site de comércio eletrônico, se ninguém quiser clicar no link que leva a ele. URLs com título relevante informam ao Google o que é a página e fornecem informações úteis aos visitantes.

Dicas para SEO no Magento 2: Abaixo está uma estrutura de URL ideal para otimização de mecanismos de pesquisa para comércio eletrônico.

  • Página da categoria: lojavirtual.com/categoria/
  • Página de subcategoria: lojavirtual.com/categoria/subcategoria/
  • Página do produto: lojavirtual.com/categoria/subcategoria/nome-do-produto.html

Normalmente a implementação ou não deste tipo de estrutura de URL em lojas virtuais necessita de análise e planejamento. Não é um fator crucial para o Google.

Google Search Console e Google Analytics

A configuração mais básica para iniciar a otimização do mecanismo de pesquisa no Magento 2 é instalar o Google Search Console (também conhecido como Google Webmaster Tools) e o Google Analytics . Com o Google Search Console, você pode monitorar e manter a presença do seu site nos resultados da pesquisa e como o Google pode rastrear seu site corretamente. Enquanto isso, o Analytics é uma ferramenta prática para rastrear dados sobre o tráfego no seu site. Ambos são gratuitos e fáceis de se inscrever.

URL com www e sem www

Se você estiver usando www.dominio.com.br e domínio.com.br, o Google usará o www como subdomínio. Mas isso torna confuso ao decidir qual domínio deve ser exibido e classificado.

Dicas de SEO no Magento 2: você deve configurar suas tags canonicals para informar ao Google qual é a URL principal da sua loja.

HTTP vs HTTPS

A sua loja virtual precisa estar em HTTPS, você precisa ter um certifico de segurança.

Em geral, https é uma versão mais segura do HTTP. O HTTPS trabalha em conjunto com outro protocolo, o Secure Sockets Layer (SSL), para transportar dados com segurança (que é a principal diferença com a qual o Google se importa). Assim, desde 2014, o Google anunciou oficialmente que prefere o https do que o HTTP em relação ao fator de classificação.

Dicas de SEO no Magento 2: se você já está usando HTTP e está pensando em mudar para HTTPS, lembre-se de acompanhar sua migração cuidadosamente no Analytics e nas Ferramentas do Google para webmasters. Pode ser necessário configurar algumas alterações no rastreamento e rastreamento de dados.

Arquivo txt do Magento 2 Robots

O arquivo robots.txt é colocado na raiz da sua instalação do Magento 2. Esse arquivo de robôs será lido pelos rastreadores do mecanismo de pesquisa como uma instrução de como indexar o site conforme desejado. O robots.txt Magento, portanto, desempenha um papel essencial no SEO.

Que padrão o Magento 2 suporta: Por padrão, você pode definir como os rastreadores devem ler todas as páginas da web como uma destas opções:

  • INDEX, FOLLOW
    Instrui os rastreadores da Web a indexar o site e a verificar mais tarde se há alterações.
  • NOINDEX, FOLLOW
    Instrui os rastreadores da Web a evitar a indexação do site, mas o rastreador vai rastrear o site e voltar depois para verificar alterações.
  • INDEX, NOFOLLOW
    Instrui os rastreadores da Web a indexar o site uma vez, mas também sinaliza para que não volte para alterações.
  • NOINDEX, NOFOLLOW
    Instrui os rastreadores da Web a evitar a indexação do site e a não voltar para alterações.

Os administradores também podem editar instruções personalizadas do robots.txt no back-end do Magento 2.

Dicas de SEO no Magento 2: Uma boa dica de SEO é excluir algumas páginas particulares ou páginas com uso interno do processo de indexação e acompanhamento do bot. Todas as páginas relacionadas ao carrinho e ao login devem estar ocultas dos bots do Google. O mesmo acontece com a página de checkout e de agradecimento (ao finalizar o pedido).

Robots.txt padrão do Magento 2

Considerando que você está fazendo uso de uma instalação Magento 2 sem customizações especiais e não está fazendo uso de nenhum tema e extensão incomuns, provavelmente esta formatação de robots.txt abaixo já vai resolver todas as necessidades de urls desnecessárias às buscas sendo indexadas.

Veja as características dela:

  • É voltado para todos os tipos de rastreadores, não só o Google
  • Bloqueia diversas urls do sistema, checkout, login, etc, inúteis para o Google
  • Bloqueia páginas de resultado de pesquisas internas
  • Bloqueia urls de tag e review, normalmente desnecessárias
  • Bloqueia o acesso a diversos arquivos de sistema sem utilidade para o Google
  • Bloqueia acesso a páginas de variações e aplica~ção de filtros, evitando conteúdo duplicado
User-agent:*
Disallow: /lib/
Disallow: /*.php$
Disallow: /pkginfo/
Disallow: /report/
Disallow: /var/
Disallow: /catalog/
Disallow: /customer/
Disallow: /sendfriend/
Disallow: /review/
Disallow: /*SID=
Disallow: /*?

# Desativas páginas de checkout e login
Disallow: /checkout/
Disallow: /onestepcheckout/
Disallow: /customer/
Disallow: /customer/account/
Disallow: /customer/account/login/

# Desativas páginas de resultado de buscas internas
Disallow: /catalogsearch/
Disallow: /catalog/product_compare/
Disallow: /catalog/category/view/
Disallow: /catalog/product/view/

# Desativas pastas comuns
Disallow: /app/
Disallow: /bin/
Disallow: /dev/
Disallow: /lib/
Disallow: /phpserver/
Disallow: /pub/

# Desativar Tag & Review
Disallow: /tag/
Disallow: /review/

# Desativas arquivos comuns
Disallow: /composer.json
Disallow: /composer.lock
Disallow: /CONTRIBUTING.md
Disallow: /CONTRIBUTOR_LICENSE_AGREEMENT.html
Disallow: /COPYING.txt
Disallow: /Gruntfile.js
Disallow: /LICENSE.txt
Disallow: /LICENSE_AFL.txt
Disallow: /nginx.conf.sample
Disallow: /package.json
Disallow: /php.ini.sample
Disallow: /RELEASE_NOTES.txt

# Desativas urls de filtros
Disallow: /*?*product_list_mode=
Disallow: /*?*product_list_order=
Disallow: /*?*product_list_limit=
Disallow: /*?*product_list_dir=

# Desativar pastas de controle de versão e outras
Disallow: /*.git
Disallow: /*.CVS
Disallow: /*.Zip$
Disallow: /*.Svn$
Disallow: /*.Idea$
Disallow: /*.Sql$
Disallow: /*.Tgz$
Inserir as instruções de robots.txt no Magento 2.

Sitemap XML do Magento 2

Se o arquivo de robôs for uma instrução, um mapa do site será um mapa mostrando os caminhos de todas as páginas do site para os rastreadores. O mapa do site XML no Magento 2 será enviado ao Google Search Console. Em seguida, o bot de pesquisa seguirá todos os links fornecidos e indexará seu site.

Que padrão o Magento 2 suporta: Em Lojas => Configuração => Catálogo => Sitemap XML no back-end, é fácil gerar um sitemap XML básico. Por padrão, as opções abertas para o sitemap XML incluem a configuração da frequência e da prioridade da atualização de páginas de produtos, categorias e CMS. 

Dicas para o sitemap XML no Magento 2: Para uma empresa com um grande número de produtos, você pode usar um módulo voltado especialmente para a criação de sitemaps.xml personalizados para os motores de busca.

Verifique seu sitemap.xml:

Sitemap HTML no Magento 2

Alguns proprietários de empresas on-line subestimam a importância do mapa do site HTML e o consideram desnecessário. No entanto, o sitemap HTML também é lido pelos buscadores. Ele é um enriquecimento em termos de usabilidade e experiência do usuário.

A falta do mapa do site HTML na sua loja Magento 2 significa que você perde a segunda chance de ser indexado com mais cuidado pelo Google. Ao mesmo tempo, o mapa do site HTML é realmente útil para os usuários quando pesquisam no site.

Que padrão o Magento 2 suporta: Diferentemente do Magento 1, atualmente o Magento 2 padrão não suporta a geração automática de sitemap HTML.

Dicas de SEO no Magento 2: Para gerar um sitemap HTML detalhado para o Magento 2, considere o uso de extensões de terceiros, como o Sitemap HTML do Magento 2.

Magento 2 Rich Snippets

Rich Snippets é um termo usado para descrever um tipo de marcação de dados estruturada que você pode adicionar ao HTML atual do seu site Magento 2. Essa estrutura ajuda os mecanismos de pesquisa a entender o conteúdo do site e a ativar recursos especiais ao exibir sua loja nas páginas de resultados de pesquisa.

Num mundo de buscas pelo celular, a exibição de rich snippets é cada vez mais presente para gerar resultados interativos e interessantes aos usuários.

Exemplo de rich snippet de produto no celular

Que padrão o Magento 2 suporta: Para a loja padrão do Magento 2, apenas a classificação e a revisão das páginas do produto são ativadas para serem visíveis nas SERPs.

Dicas de SEO para Rich Snippets no Magento 2 : Rich Snippets permite que os administradores forneçam muitos detalhes úteis sobre o seu produto para aumentar a CTR. Por exemplo, o preço de um item deve ser adicionado ao lado para revisar e classificar no resultado da pesquisa. Informações comerciais, como nome da loja, logotipo, contato, endereço e links sociais, são outra marcação para ganhar a confiabilidade da marca. 

Open Graph e cartões do Twitter no Magento 2

Geralmente, quando um usuário compartilha um link de página da web nas redes sociais, o URL aparecerá apenas no formato de texto. Se a sua loja Magento 2 suportar as tags Open Graph (para Facebook) e Twitter Cards (para Twitter), uma visualização do título, descrição e imagens será exibida junto com o URL.

Elas são importantes fundamentalmente para que a experiência da sua loja relacionadas a divulgação dos links nas redes sociais.

O Magento 2 padrão suporta: Atualmente, ambas as tags não estão integradas no Magento 2 padrão.

Dicas de SEO no Magento 2: você pode implementar as tags no seu site com a ajuda de um desenvolvedor. As tags são muito fáceis de configurar. Se você não conseguir ocultar um, há muitas extensões no mercado para esse recurso.

Verifique se as tags Open Graph da sua loja Magento 2 estão corretas:

Otimização SEO ON Page para Magento 2

Tags canônicas para Magento 2 para evitar conteúdo duplicado

Muitos URLs com conteúdo semelhante ou igual ganham má reputação dos rastreadores. Por exemplo, a mesma camisa com variação diferente (por exemplo, cor vermelha, cor azul) terá o mesmo conteúdo do produto, mas URLs diferentes.

Dicas para a Canonical no Magento 2: o Google cria uma tag canônica para ajudar os administradores da web a informar aos rastreadores qual é o principal URL para atribuir o valor da pesquisa entre páginas com conteúdo semelhante. Aqui está uma sugestão de quais URLs canônicos do Magento 2 serão uma escolha ideal:

  • Página do produto: produto com variações de tamanho, cores, etc. Produto pertencente a várias categorias
  • Página de categoria: páginas de categoria com paginação
Configuração das tags canonical de páginas de categorias e produtos.

Verifique os relatórios do Search Console sobre a cobertura das urls.

Tags Hreflang para exibição em várias lojas Magento 2

Para o site Magento 2 de exibição em várias lojas, você pode ter o mesmo conteúdo em inglês em URLs diferentes destinados ao Brasil, Portugal, Argentina, EUA etc. A diferença nessas páginas pode ser tão pequena quanto uma alteração nos preços e na moeda. O Google pode não entender por si só o que você está tentando fazer e vê-lo como conteúdo duplicado.

As dicas de SEO no Magento 2: Hreflang foram desenvolvidas para resolver esse problema. Com esse código, você especifica todos os URLs diferentes nos sites que possuem o mesmo conteúdo. Esses URLs podem ter o mesmo conteúdo em um idioma diferente ou no mesmo idioma, mas segmentados para uma região diferente.

Verifique os relatórios do Search Console sobre a identificação correta da segmentação internacional do site.

Integração de redes socias

O botão de compartilhamento social permite que um cliente compartilhe seus itens favoritos em plataformas sociais como Facebook, Twitter, Pinterest, etc. Esse compartilhamento ganha muitas chances de aumentar o tráfego e a visibilidade da sua empresa.

Que padrão o Magento 2 suporta: Atualmente, o recurso de compartilhamento social não está integrado ao Magento 2 padrão

Dicas de SEO no Magento 2: equipar seu site com o compartilhamento social não é tão difícil de fazer. Você pode obter suporte de um desenvolvedor ou instalar um módulo gratuito no mercado Magento.

Pesquisa de palavras-chave e concorrentes

O principal objetivo da otimização de mecanismo de pesquisa é obter a classificação mais alta possível para palavras-chave relevantes pesquisadas por seus visitantes. A pesquisa de palavras-chave, portanto, é um fator chave de sucesso. 

O planejador de palavras-chave do Google é uma ferramenta prática para esse processo. SEMRush e Ahrefs também são duas plataformas populares. Com essa ferramenta, não apenas encontrando a palavra-chave correta, você deve analisar as atividades e a classificação de seus concorrentes. 

Quais são as principais palavras-chave? Qual é a palavra-chave com classificação mais alta? Quais palavras-chave eles usam para os produtos mais vendidos?

Dicas de SEO no Magento 2: analise a dificuldade, geralmente é mais fácil classificar um volume menor do que um nível superior – almeje uma única palavra-chave / tópico por página – sempre tenha uma palavra-chave principal para cada página.

No Search Console, verifique no relatório de Desempenho e em Consultas, para ver quais palavras chave geram mais impressões e geram tráfego a sua loja virtual.

URL simples e amigável

Todo URL precisa ser exclusivo e otimizado para a palavra-chave principal da página. URLs com título relevante informam ao Google o que é a página e fornecem informações úteis aos visitantes. Mantenha seu URL curto e rico em palavras-chave

Dicas de SEO no Magento 2: você pode excluir a categoria e subcategoria. Isso torna seus URLs mais curtos e mais densos em palavras-chave.

Meta Título e Meta descrição

Seu meta título é a primeira e a impressão mais crítica que o visitante tem para suas páginas. Ele tem um enorme impacto na taxa de cliques. Não se esqueça de incluir a palavra-chave principal das páginas no título meta, pois é uma obrigação.

Dicas para o título meta no Magento 2:

  • O tamanho ideal para o título meta é de 50 a 60 caracteres.
  • O uso de palavras acionáveis, como “descubra agora”, “compre agora” aumenta o desejo de clicar nos visitantes.
    • Para páginas de produtos, tente mostrar o ponto de venda de seus itens como “Entrega gratuita”, “Suporte 24 horas por dia, 7 dias por semana”.

Teste o seu Meta título nessas ferramentas:

Descrição do produto

Alguns varejistas consideram que as descrições dos produtos não são importantes para os usuários ou o Google. Isso leva a um erro considerável de SEO, pois o Google verá sua página de produto como uma página de conteúdo ruim. Como resultado, uma classificação mais baixa é previsível.

Dicas de SEO para descrição do produto no Magento 2 : Aqui estão alguns tópicos para você se lembrar de uma descrição do produto para otimização de mecanismo de pesquisa

  • Evite ao máximo copiar conteúdo da descrição de outras lojas virtuais ou do fabricante.
  • Escreva conteúdo longo e detalhado, tanto quanto possível. Não apenas para os rastreadores, mas também para o usuário.
  • Defina as tags H1, H2 e H3 para a descrição.
  • Inclua as principais palavras-chave no cabeçalho.
  • As principais palavras-chave podem ser encontradas nas primeiras e nas últimas 150 palavras.
    • A densidade da palavra-chave principal deve ser superior a 3%, mas não superior a 5%. Você pode verificar isso com a extensão SEOQuake.
    • Conter link interno. Tente conter o link para produtos relacionados com alta classificação e tráfego na descrição.

Avaliações, comentários e perguntas e respostas dos usuários

Permita que seus usuários deixem avaliações dos produtos comprados, comentários, notas, etc. O conteúdo gerado pelo usuário ganha mais conteúdo e confiabilidade para as páginas, especialmente para um produto com pouca informação. A classificação também pode ser usada para exibir em rich snippets.

O Magento 2 padrão suporta: O Magento 2 padrão é apresentado com classificação e revisão

A recomendação para SEO no Magento 2: seção de perguntas e respostas é altamente recomendada. Ele permite que o usuário interaja mais com seu site e aumente o tempo na página, diminua a taxa de rejeição.

Conteúdo da página de Categoria

As páginas de categorias são as mais importantes em uma loja virtual bem otimizada para o SEO. Quando o Google não compreende com certeza qual é a intenção exata de busca do usuário que busca um produto, ele gosta de apresentar páginas de categoria para deixar o usuário escolher.

A página de categoria também precisa de conteúdo como qualquer página de produto. Adicionar mais texto às suas categorias ajuda a aumentar a densidade de palavras-chave da sua categoria e aumentar o poder de classificação das páginas.

Recomendação para SEO no Magento 2: Planejar adicionar conteúdo para a página de categoria precisa de uma preparação cuidadosa para o design. Não force o usuário a ler demais. Coloque a escrita em uma posição adequada. Aqui está um exemplo de como fazemos isso em nosso site.

Na dúvida, minha sugestão é escrever duas linhas falando que tipos de produtos estão naquela categoria.

Otimização de mecanismos de pesquisa para imagem

Recomendação para SEO no Magento 2: Não esqueça de preencher a tag alt para todas as imagens com uma palavra-chave. Ele informa aos rastreadores o que é a imagem e faz com que seu produto seja exibido na pesquisa de imagens. No campo, descreva brevemente o que tem na imagem ou, ao menos, coloque o nome do produto.

Campo de ALT das imagens na página de edição de produto do Magento 2.3

Quanto ao nome do arquivo, se possível, coloque as mesmas palavras do nome do produto. Para o SEO, isso não é tão forte, mas é positivo.

Em segundo lugar, otimize o tamanho da imagem para menos de 100 kB. Isso irá acelerar o tempo de carregamento.

Utilize vídeos na sua loja virtual

O Google prefere o conteúdo de mídia avançada. Se você tiver recursos suficientes, tente colocar um vídeo na sua página de produtos. É também a melhor maneira de ajudar seu produto a ser exibido na pesquisa de vídeos. Na descrição do vídeo no Youtube, lembre-se de colocar o link novamente na página do produto.

Recomendação para SEO no Magento 2: concentre-se em seus principais produtos, dedique esforços a vídeos informativos e de alta qualidade. 

  • Ao publicar o vídeo em seu site, é melhor inserí-lo de forma incorporada de um serviço externo como o YouTube, Vimeo, etc.
  • Dê preferência a vídeos curtos e sintéticos mostrando as características do produto, como funciona, como usar, como montar, sugestões de aplicação, etc.
  • Pode ser um vídeo simples, feitos do seu celular mesmo.

Consultor de SEO

Entre em contato para solicitar uma auditoria e avaliação da sua loja virtual para ganhar mais posições no Google.

O que podemos concluir sobre SEO para Magento 2

Para uma plataforma de comércio eletrônico como o Magento, a Otimização de SEO requer várias alterações e configurações específicas. As dicas de SEO para Magento 2 acima, como mapa do site, tags hreflang, carregamento rápido e muito mais, são a otimização notável a ser feita. 

Por Gustavo Rodrigues da Silva

É especialista em SEO e Ads. Trabalha a mais de 10 anos com comunicação, design e marketing. Oferece consultoria à diversas empresas e instituições com o objetivo de melhorar seus sites, presença online, entendendo a intenção e comportamento de buscas na internet e como criar os melhores conteúdos e resultados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *